Em cada espiga desfolhada vivemos a alegria das coisas simples.

Acarinhar a nossa  terra , as nossas gentes e os nossos costumes (...)

 

publicado por salinhadossonhos às 17:50