Imagem

Freedigitalphotos
É um pai ou uma mãe que participa na escola do seu filho? Esta é, pois, uma relação a privilegiar


O seu filho a partir de tenra idade, passa grande parte do seu dia na escola, um espaço onde desenvolve tantas e tantas competências para além de aprender a ler e a escrever.


Frequentemente, as crianças pequenas têm dificuldade em adaptar-se à escola, a imposição de novas regras, rotinas que não existiam quando estavam com a mãe ou com os avós em casa, levam a que tenha algumas dificuldades na adaptação e que por vezes em fases iniciais leva a alguma recusa escolar.

Os pais poderão e deverão ter uma relação privilegiada com a escola desde o primeiro momento, como forma de transmitir à criança que se trata de um local seguro, familiar, onde os pais confiam e participam, deixando de alguma forma uma marca da sua presença, mesmo quando não estão lá fisicamente.

Lembre-se que a escola poderá ser um local e um conceito muito rico e diversificado na educação do seu filho e que como pai ou mãe poderá contribuir para isso.

As actividades para as quais os pais são convidados, como o dia da mãe, do pai, festa de Natal, Carnaval, são excelentes oportunidades para os pais irem à escola. Podem e devem estar presentes, não só como forma de conhecer melhor os agentes interventivos na educação dos filhos, como desenvolver as relações com esses agentes e a proximidade. Além de que para cada criança, a presença do pai ou mãe no seu local de aprendizagem é muito importante para a sua auto-estima, segurança e vínculo aos pais, se for um hábito desenvolvido desde cedo.

Existem outras oportunidades para os pais serem ativos e participativos na escola, como atividades ou iniciativas em que são convidados para ajudar (clubes escolares, salas de estudo, tempos livres...). É ótimo poder ser uma das mães ou um dos pais que o filho pode dizer aos amigos que vai à escola ensinar-nos algo ou passarmos um bom bocado a criar algo.

Por outro lado e sempre com o cuidado de respeitar a estrutura da escola e objetivos, poderão ser os pais a propor iniciativas e formas de colaboração, nomeadamente enquanto sistema organizado, numa associação de pais, como a título individual ou em pequenos grupos de pais e mães, como propostas à Direcção da escola, que contribuam para o enriquecimento da educação dos seus filhos.

Afinal, é o espaço onde passa a maior parte do dia, é essencial que possa perceber o que lá se passa, que possa intervir com propostas, contribuindo assim para a educação de qualidade do seu filho.

Por fim, reflita nas seguintes questões: Costuma participar nas atividades promovidas pela escola do seu filho? Considera ser importante a sua participação nas mesmas? Como pode participar mais na escola do seu filho? Comece já hoje. 

Texto: Rita Castanheira Alves (Mindkiddo)
 
publicado por salinhadossonhos às 17:44